Saiba os 5 principais riscos da agropecuária e as respectivas estratégias para gerenciá-los

Atuar no universo agro é basicamente operar em ambientes fisicamente expostos e de alto risco. Por este motivo, a produtora rural tem que compreender e buscar soluções para as principais incertezas relacionadas ao negócio, reduzindo assim os efeitos financeiros negativos.

As variações ligadas ao clima, rendimentos, preços, políticas governamentais, mercados globais e outros fatores podem causar grandes oscilações na receita agrícola. A adoção de estratégias de gerenciamento de risco é importante para entender os riscos e as opções disponíveis para minimizar os seus impactos.

No artigo de hoje, especifiquei os 5 principais riscos da agropecuária e as respectivas sugestões de estratégias que vão facilitar a gestora do agronegócio na tomada de decisões.

OS RISCOS DE PRODUÇÃO
Refere-se aos riscos sobre o desenvolvimento das lavouras e rebanhos, como eventos climáticos adversos, doenças de animais e plantas, pragas e outros fatores que mesmo utilizando medidas de controle podem afetar tanto a quantidade tanto quanto a qualidade da produção.

As estratégias para gerenciar riscos de produção incluem a diversificação, isto é, rotação de culturas, práticas de cultivo fazendo uso de tecnologias, cobertura de seguro para estabilizar a renda durante os períodos de perda, adoção das melhores técnicas de irrigação, manejo integrado de pragas e utilização de variedades resistentes. Não esquecendo da devida atenção á manutenção e boas condições de funcionamento dos equipamentos e instalações da propriedade.

OS RISCOS DE MERCADO
Estão relacionados aos preços das commodities, isto é, a possibilidade do preço final dos seus produtos serem menores que o esperado. Podem ser ocasionados devido ao aumento do número de produtores concorrentes, à mudança nas preferências do consumidor ou pela eventualidade do produto falhar em relação aos padrões de mercado.

É importante desenvolver um planejamento com previsões de colheita e de vendas durante a temporada, agendando o plantio de acordo com o zoneamento de risco climático e considerando sempre as boas práticas de armazenamento. Participar de cooperativas é interessante para aumentar os preços e garantir o mercado. Não se esqueça de conduzir uma pesquisa para entender as necessidades e preferências de seus clientes. Especialmente, adquira o Seguro de Receita para cobrir o declínio inesperado do preço durante o período de contratação dessa proteção.

OS RISCOS FINANCEIROS
Estão associados a insuficiência de caixa para cumprir com as obrigações, obtenção de lucros menores do que o esperado, além disso, os riscos financeiros também podem ser causados pelo aumento dos custos de insumos, taxas de juros mais altas, empréstimos excessivos, disponibilidade limitada de crédito rural oferecido pelo governo, maior demanda de dinheiro para ás necessidades familiares e falta de reservas adequadas.

Desenvolva um plano de negócios estratégico, monitore índices financeiros, controle as principais despesas, considere outros fornecedores e insumos alternativos. Destaco a realização de uma análise de tendências para avaliar a mudança nos lucros agrícolas. Comunique e renegocie acordos com fornecedores e condições de empréstimo com os credores. Que tal, considerar opções de locação em vez de comprar máquinas, equipamentos ou terrenos? Essencialmente, por fim, destaco o controle ou adiamento de despesas desnecessárias da família.

OS RISCOS INSTITUCIONAIS
Estão relacionados ao cumprimento de acordos comerciais e contratos. A não realização desses acordos geralmente carrega um alto custo. Outra fonte importante deste risco é a responsabilidade civil, isto é, causar prejuízo a outra pessoa ou a propriedade devido á negligência. Este risco também está relacionado à responsabilidade ambiental e às preocupações com a qualidade da água, a erosão e o uso de pesticidas, além de ações inesperados como, por exemplo, abate forçado de gado.

Neste caso, é interessante atentar-se á apólices de seguros que tenham como cobertura a responsabilidade civil que protege desde processos decorrentes de acidentes de trabalho (muito útil para operadores de maquinários e equipamentos agrícolas) até contra ações resultantes de danos ambientais. Este recurso nada mais é, que a garantia para eventuais reclamações ou ações na Justiça por ter causado prejuízos involuntários a outras pessoas, sejam materiais ou corporais.

Entenda também sobre contratos e acordos comerciais. Use boas práticas agrícolas para limitar o risco ambiental e conheça/siga os regulamentos estaduais e federais relacionados à sua operação agrícola. 

OS RISCOS HUMANOS
Atribui-se aos riscos associados a indivíduos e relacionamentos, incluem aqueles com membros da família, bem como funcionários e clientes da fazenda. As principais fontes de risco de recursos humanos surgem do divórcio, morte ou incapacidade. O impacto de qualquer um desses eventos pode ser devastador para uma empresa rural. Os riscos de recursos humanos também incluem os impactos negativos decorrentes da falta de habilidades de gerenciamento de pessoas e de comunicações precárias.

Desenvolva e pratique boas “habilidades pessoais” com os membros da família, bem como com os funcionários. Forneça treinamento adequado para os colaboradores, reconheça e recompense o bom desempenho. Iniciar o planejamento de sucessão familiar é fundamental. Considere a necessidade de um seguro de vida que é uma ferramenta relevante para elaboração de um futuro financeiro estável para a família.

Por fim, concluo que o gerenciamento de riscos começa com a identificação das ameaças mais cruciais, com a compreensão dos impactos e das probabilidades de resultados indesejáveis para assim ser adotada as possíveis medidas para mitigar ou diminuir as consequências. É difícil que qualquer pessoa entenda todas as áreas de risco enfrentadas por uma propriedade rural. Se você não souber a resposta ou tiver dificuldade em iniciar a elaboração de um gerenciamento de risco por conta própria, obtenha assistência de profissionais com foco no agronegócio, como advogados, consultores, agentes de seguros e outros prestadores de serviços.

Achou este conteúdo interessante? Deixe-nos aqui a sua opinião, sugestão ou questão que queira ser respondida!

Texto produzido pela eng. agrônoma Bruna Goulart.
Info Seguro Rural | (31) 9562-3815 www.infosegurorural.com

 

 
 

&nbs;

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *